08 janeiro 2013

Amar independente de...


Descobrimos que realmente amamos nossos amigos ou familiares quando se percebe o quanto nos afeta vê- las sofrer.
O sofrimento do próximo faz com que venhamos perder o chão e compartilhamos assim a sua dor.
Infelizmente algumas pessoas se alegram com o fracasso dos outros, e para tais, se torna um prazer tripudiar sobre a dor alheia, isso me entristece e me abate a alma.
Nosso coração deve ser cheio de amor e compaixão pelo próximo, e jamais o sofrimento de alguém deve se tornar motivo para alegria.
Seria uma tremenda hipocrisia da minha parte dizer que amo e tenho compaixão sempre por todas as pessoas, muitas vezes é difícil praticar o amor, principalmente se tratando de alguém que nos causou dano.
Pode parecer um tanto clichê, mas é verdade a frase que diz: "fazer o bem sem olhar a quem."
A palavra de Deus nos ensina a vencer o mal com bem (Romanos 12:21).
Mas independentemente de crenças religiosas, o amor é e sempre será o bem mais precioso que alguém pode ter e através dele podemos enxergar diversos frutos, tais como o perdão, tolerância, compaixão que é diferente do sentimento de pena. Amar é estender a mão à aquele que está caído e ajuda-lo a levantar ao invés de empurra-lo para o abismo com julgamentos ou criticas. Como costuma dizer uma querida amiga "amar independente de..."
Mas o que significa amar independente de...? 
Quer dizer que amo meu próximo apesar de muitos de seus defeitos me incomodarem, é continuar amando aquele que tenha me ferido, me maltratado, continuar amando mesmo aquele que me fez mal, amar acima das diferenças, circunstâncias, crenças, pontos de vista etc, etc.
Torno a repetir que praticar o amor não é nada fácil, mas se cada um de nós fizesse um imenso esforço, viveríamos num mundo bem melhor.
Que nós venhamos nos dar a oportunidade de amar independente de.


Cris Bernardes

Comente com o Facebook:


Layout: Natana Duarte | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©