28 setembro 2015

A fuga das borletas


Eu já estava habituada à elas e não percebi que estavam indo embora. Estava encantada com a beleza e as cores exuberantes daquelas borboletas no jardim, mas aquele perfume estonteante já não sentia como antes. Foi quando me dei conta de que elas estavam desaparecendo. De vez em quando, uma ou outra pairava sobre alguma flor, mas era por pouco tempo, até desaparecerem completamente, deixando um imenso vazio no jardim que antes era tão florido e agora é tão sem cor.
Percebi que passei tempo demais admirando as borboletas e acabei por me descuidar do jardim.
Não havendo quem as regasse, as flores murcharam e logo secaram.
O perfume e as flores se foram levando com eles, todas as borboletas.

Comente com o Facebook:


Layout: Natana Duarte | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©